personal
Eu posso ser a pessoa mais animada da festa, conversadora infinita, dançarina amadora e cantora profissional de chuveiro mas também posso ser o meu refúgio, nerd a tempo inteiro, devoradora de livros e respirar ao som de playlists de Bon Iver. Eu p…

Move your blog to Nouw - now you can import your old blog - Click here

Likes

Comments

#1 Uma bolsa da Bimba y Lola Uma peça de arte ambulante que de mal só tem o preço . Vejam só a versatilidade desta mala, adoro as cores, o tamanho e a forma. #2 Uma youtuber Hi I'm Mimi A Mimi é um amor, tem 16 aninhos e vem diretamente da Suécia p…
  • 371 Readers

Likes

Comments

personal
"Sometimes I look in a mirror and like what I see and other times I don't. Sometimes I have a photo taken of me and don't relate to what I'm seeing. Sometimes I get a glimpse of me and I don't really feel like it's me. In every photo, reflection, s…

Likes

Comments

instagram
Foi em Junho que deixei para trás uma época de exames chata, uma cidade agitada e uma Inês mais confusa. Voltar para casa sabe sempre a conforto, a macarrão, a Ice Tea de limão e à gente que a gente ama do coração. Passei a ter manhãs tranquilas, c…

Likes

Comments

#1 Uma youtuber
Gemary


Encontro 3 interesses comuns muito fortes entre mim e esta youtuber: a fotografia, a caligrafia e a cor bege. Parece ridículo, mas de facto ela aposta no bege a tempo inteiro! Na decoração, na maquilhagem e no guarda-roupa. E eu tenho tido um genuíno interesse pelo tipo de conteúdo que ela partilha quer no youtube, quer no blog. Está também a fazer um bullet journal (que é só goals!) e realmente tem-me oferecido doses insanas de inspiração para recomeçar um.

#2 Uma comédia romântica
My Best Friend's Girl

Deixei-vos aqui este excerto propositadamente porque acho que o trailer revela demasiado e não é esse o pretendido para quem quiser ser surpreendido pelos puros momentos de comédia que aqui vão. O meu realce vai para os dois atores principais Kate Hudson e Dane Cook que têm uma dinâmica incrível no ecrã.

Aqui vai um bocadinho da história: Um amigo de Tank pede para que ele convide sua ex-namorada para um encontro. A ideia é fazer com que tudo saia errado e ela veja como o ex-namorado era maravilhoso. Porém as coisas não acontecem como o planejado.

#3 Um bikini ideal
da Sport Zone

Na corrida ao melhor bikini, cansei-me. Desde a Primark à Tezenis e à Calzedonia, nada parecia confortável, nem para o corpo nem para o bolso. Num momento de desistência, dei de caras com estes bikinis da Sport Zone e fiquei muito surpreendida quer com a qualidade do bikini como com o preço. Adquiri este lindo bikini cor toranja (uma cor que eu ando a adorar, como já puderam perceber aqui) que é muito desportivo, assenta bem onde deve assentar e, juntamente com as cuecas, ficou por cerca de dez euros. E o bom é que na Sportzone a venda nunca é feita inteira, ou seja, podem comprar o top e a parte de baixo do bikini separadamente, ultrapassando problemas de monotonia de cor ou de preço.

Vejam aqui a coleção de bikinis da sportzone.


#4 Uma playlist

 ~
E uma playlist não podia faltar! Deixo-vos esta que encontrei estes dias pela Internet e deixem-me que vos diga que está brutal, adorei todas as músicas que ouvi até ao momento e não conhecia nenhuma.

Move your blog to Nouw - now you can import your old blog - Click here

Likes

Comments


Perceberam tudo, não perceberam? Ok, então até ao próximo post! 
Just kidding. 
Esta trapalhada de códigos é simplesmente um conjunto de parâmetros que eu usei para editar cada foto que aqui veem, na mesma app de sempre, o VSCOCam.





   O primeiro código que leem corresponde ao efeito que utilizei na foto, como por exemplo: 
B1, C8, A7, E2 e V8.




Likes

Comments


Com os exames a terminar, a chegada do Verão é oficialmente sentida. E estaremos nós preparados para a gigantesca quantidade de dias livres que temos? Como seres humanos complexos e confusos que somos, a verdade é que nunca estamos preparados para o que aí vem.  E é por isto mesmo que existem os planos! Eu confesso-me uma miúda que gosta de microorganizar tudo aquilo que quero e espero que me aconteça, seja uma semana de trabalho ou uma semana de lazer, gosto de equacionar as coisas que tenho de fazer, dá-me uma falsa segurança de que tudo vai correr bem. E, por isso, hoje é dia de vos trazer um plano de Verão.

Está longe de ser a receita perfeita mas hoje dei por mim a pensar em pequenos e simples passos que podemos tomar para nos sentirmos mais preparados para esses dias que aí vêm, quanto mais não seja para nos colocarmos no #summer mood necessário para começarmos a relaxar.



#1 FAÇAM UMA PLAYLIST. Assim como um determinado perfume nos faz lembrar de uma fase da nossa vida como se a tivéssemos vivido ontem, uma boa playlist de Verão é, a meu ver, essencial para que construamos memórias. Deixo-vos aqui a minha, ainda numa fase inicial, com 12 músicas que têm vindo a fazer parte destes dias mais relaxados.




#2 ADQUIRAM UM NOVO BIKINI/ FATO DE BANHO. Provavelmente esta é um bocado óbvia para vocês mas eu cá costumo repetir os mesmos bikinis de ano para ano e a verdade é que alguns já estão em muito mau estado. Se é o vosso caso, pensem em adquirir um novo e talvez até possam variar o estilo. Por exemplo, eu este ano pretendo deixar de lado os cai-cai porque acho mesmo que não me favorecem tanto como eu achava no ano passado e vou investir em apenas um bikini de alças, talvez em formato soutien ou então em formato triangular, bem tradicional. E de resto, estou a pensar em variar com um outro bikini que ainda esteja em bom estado porque, de facto, não precisamos de 7 bikins para os 7 dias da semana e eu cometi esse erro demasiadas vezes nos últimos anos. Acabei com uma pilha de bikinis que não amo particularmente e estou a tentar mudar isso. (vontade minimalista falando!)

#3 DEFINAM UM OBJETIVO. Desde muito novinha que faço do meu Verão um espaço para me reinventar e de, facto, voluntaria ou involuntariamente é no Verão que as pessoas mudam muito ou pelo menos é essa a minha leitura dos meus anos de adolescente! Não é só a pele que bronzeia, os meses passam e as pessoas mudam mesmo. E com isto dito, acho que se tiverem um grande objetivo como uma viagem de sonho ou uma grande vontade de mudança de estilo de vida este é o momento para apostarem nele! E se estão satisfeitos com o vosso estado atual, não é preciso pensarem muito, podem ir atrás dos pequenos objetivos como a leitura de um livro há muito querido ou então façam aquela maratona de filmes do Tarantino que tinham planeada para 2014 ou quem sabe, a iniciem a criação de um projeto novo como um blog.

#4 DEIXO QUE DEFINAM O VOSSO PRÓPRIO QUARTO ITEM DESTA LISTA. Desculpando a falta de quarto item, como manda a tradição aqui no blog.

Eu acredito que somos mais felizes no Verão e a felicidade é muitas vezes a melhor amiga da força de vontade. Por isso, boa sorte! Mudem muito e mudem para melhor, neste querido Verão vosso.

Likes

Comments

1. UMA YOUTUBER.
Madelynn

Não me recordo de como tropecei nela, mas ainda bem que sim. Obrigada Universo. Madelynn é uma pessoa única, conseguimos percebê-lo tão bem. Faz-me lembrar a fabulosa Amélie Poulain.



2. UM DOCUMENTÁRIO. 
Abstract

A Netflix não brinca no que toca a produzir excelentes documentários e, depois de Chef's Table, este é um bom exemplo disso. Em cada episódio, é-nos apresentado um artista, a sua origem, as suas inspirações e, claro, o seu trabalho. À conta disto, descobri a espetacular mente por detrás dos cenários dos espetáculos da Beyoncé e fiquei maravilhada. Há algo de muito bonito em perceber como a arte surge e que efeito terapêutico tem na vida de quem cria e de quem a vê. 




3. UM FILME.
Fantastic Mr. Fox by Wes Anderson

Eis um filme que andava para ver há séculos e, mais uma vez, obrigada Netflix. Tem cerca de 1h30min e mostra-nos o fantástico mundo de uma raposa que, como irão perceber, não peca pela vulgaridade. É delicioso ver filmes de Wes Anderson. Para mim, é sempre mais um momento fotográfico do que propriamente de recolha de conteúdo. Mas é claro que ele vence nas duas áreas. 
Acho incrível a forma como ele desconstrói conceitos e brinca com a nossa mente ao ponto de nos mostrar como a vida de uma raposa pode ser entusiasmante, mas também frustante, quase que fazendo um paralelismo com o comum mortal.



4. UM PROGRAMA DE TV.
Vidiots

Entretenimento, puro entretenimento! Uma série de comediantes que passa na MTV e que reage de forma cómica a videoclips mundialmente famosos. Deixo-vos esta amostra do vídeo da Nicki Minaj, Anaconda, a ver se vos convenço! 

Likes

Comments


Hoje recordo aqui no blog um dos momentos mais bonitos do meu passado Abril: as bodas de prata dos meus pais. Depois de lhes ter dedicado tudo num vídeo bonito que terminei ontem, decidi que devia partilhar mais um bocadinho do meu amor por eles convosco também. Apesar de achar que de facto uma imagem vale mais que mil palavras e que um vídeo multiplica o seu valor, acho sempre que as palavras permanecem e também elas devem ser escritas.























É em momentos como este que percebo a sorte que é ter-vos. Juntos. Foi neste dia que também entendi a sorte que é terem-se, pertencerem-se. Mais do que ver-vos como pais, imaginar-vos como um casal que se aguentou - aguentar é mesmo a palavra, têm que concordar comigo pessoas casadas! - é de loucos. Foi um prazer ser a vossa fotógrafa pessoal neste dia e espero que o prazer seja mútuo quando mais logo assistirem ao vosso vídeo de casamento.

Estavas tão linda, Mamã. No teu vestido de noiva. Sim, porque vocês recasaram. E foi essa a sensação que toda a gente teve, a sensação de saírem de um segundo casamento e não de uma simples renovação de votos, quase que contratual.

E tu, papá,
que não és particularmente fã de missas, confessaste-nos a sensação de teres assistido à melhor missa da tua vida e deixa-me que te diga que se o sentiste é porque foi sincero e real para ti. E quando uma coisa tão forte é sincera e real para os dois, todos os outros o conseguem ver, sentir.

Eu e o Diogo seremos eternamente pequenos testemunhos do vosso amor. É a partir dele que construímos os nossos próprios ideais amorosos, mas é a partir dele que também tenho vindo a aprender muito mais: aprendo a tolerar, a valorizar e, sobretudo, a ser feliz. 

Amo-vos.

Likes

Comments

O armário está mudado. As roupas de Verão estão agora mais à mão e roupas de Inverno para que vos quero...!
Mas e agora? 1 ano passou e eu não me revejo nada nestas roupas que achei que iam ser A TENDÊNCIA (do ano passado).

 S O L U Ç Ã O ? A. Reinspirar-me para lhes dar uma nova vida B. Ganhar coragem e boa vontade e dar-lhes uma nova dona ou então está mesmo na altura de quebrar o porquinho e ir às compras.

Para os que se encontram na situação C, este post é para vocês.



1. A R G O L A S  B Á S I C A S 


Nunca fui uma miúda de usar argolas, mas o tamanho destas da Parfois pareceu-me ideal. E o melhor é que num só pack trazem 2 pares de argolas em duas cores: prateado e rose gold. São a única bijuteria que tenho usado e estou maravilhada por ter dado mais uma oportunidade a este acessório!

2. T - S H I R T S  G R Á F I C A S 

Esta semana converti-me à Pull & Bear. Foi desde que a loja do Braga Parque mudou de design que o olhar do público para a Pull mudou. Em Lisboa, a mudança foi mais recente e a verdade é que o facto de estar bem mais clarinha, com mais luz e vida (ao invés da loja antiga, muito escura e pouco convidativa) faz com que entremos nela e que vejamos as peças extraordinárias que antes pareciam escondidas do olhar. Lá encontrei as melhores T-shirts gráficas de sempre e se como eu estão a adorar esta tendência, é lá que vão encontrar todo o tipo de estampados! You name it, they will be there. Eu comprei uma semelhante a esta porque me faz lembrar muito a típica rapariga americana! E não tem como falhar com umas mom jeans e umas sapatilhas. Fez o meu dia.

3. S A N D Á L I A S  D E  S A L T O  B A I X O  + V E L U D O


Estas sandálias estão um pouco por todo o lado. É no Pinterest, é no Tumblr... Mas também estão pela Stradivarius (que foi onde encontrei estas!) assim como pela Primark. E deixem-me que vos diga que elas são umas giraças. Esta cor entre o azul e o lavender casa muito muito bem com um belo bronzeado!

4. B O D I E S  / / B I K I N I S 


A Primark está cheia de bodies, é só pegarem e experimentarem! E a maioria deles tem mesmo a possibilidade de ser usado como bikini. O meu preferido, até agora, foi este


E esta foi a minha seleção de algumas tendências para o Verão, com as quais me identifico. Tenho muitas mais sugestões aqui guardadas e pensei em partilhá-las mas tentei fazer um post curtinho e simples, que sempre é mais atraente de se ler! Digam-me se estão eventualmente interessadas em saber por onde andam algumas das últimas modas e claro... aos melhores preços. Se estiverem, faço uma parte II brevemente. 

Likes

Comments

https://www.youtube.com/watch?v=HVtertx1m1w

Likes

Comments


1. B L O O M de E S T É E  L A L O N D E

2. O Fascinante Mundo da Pele de Y A E L  A D L E R




Vieram ambos de dois pontos distantes do sítio onde me encontro no planeta: o primeiro de Londres e o segundo da Alemanha. Já não era novidade aqui pelo blog que em tudo o que a Estée (youtuber) toca, eu acho que vira ouro, aliás cheguei a chamá-la de "serotoninérgica" e continuo a acreditar em tal palavra para a descrever. O livro dela está em todas as minhas listas de desejos do blog desde o Natal e, agora que finalmente parei um bocado na minha vida de Anatomia de Grey um bocadinho menos dramática e glamourosa, decidi que era a altura perfeita para o encomendar. Fi-lo no site da Amazon Espanha e tudo correu bem. Quando o vi senti que tinha feito a compra certa. A verdade é que as minhas expectativas para este livro estão altas há muito tempo, uma vez que "conheço" a personalidade de Estée. 





E 70 páginas depois, posso já dizer que estão a ir ao encontro daquilo que define Éstee: sinceridade e empatia. Há algo muito forte que me liga a esta youtuber, eu diria que a minha empatia para com ela é quase como que uma conexão muito íntima entre aquilo que eu conheço de mim e o quanto me revejo nas suas palavras, nos seus sentimentos.

_____________________________________

Quanto ao segundo livro, não o descobri por acaso. Estava a falar com uma amiga minha e ela pediu-me a opinião sobre um artigo que tinha lido de uma dermatologista alemã. Dizia-me que esta dermatologista tinha apresentado há pouco o seu livro, o qual estava já à venda em Portugal na FNAC, e que nele podíamos ler coisas um pouco diferentes daquilo que estamos habituados a ler sobre os cuidados a ter com a pele, como por exemplo: "Para desmaquilhar a pele, basta uma toalha com água quente, esqueçam os tónicos e os desmaquilhantes. Para remover o rímel, uso apenas alguns óleos naturais como o óleo de côco" Ela enviou-me então uma entrevista da Yael (podem  lê-la aqui) e se de facto estava um pouco desconvencida naquilo que ela dizia, depois de ler a entrevista, resolvi dar-lhe credibilidade e comprar o seu livro. 

Passaram-se 40 páginas (o livro da Estée está claramente a ganhar a corrida...!) e posso dizer que acho a escrita dela bastante fluida e simples de entender. O primeiro capítulo começa por nos explicar alguns princípios básicos da pele, fala-nos nas camadas da pele como se elas fossem autênticos "andares de uma casa" e posso dizer que a analogia e a explicação estão particularmente felizes. Gosto do conteúdo e da forma. E sinto mesmo que vou aprender algo de diferente com esta leitura. Sendo eu uma amante dos cuidados da pele, sinto que este é o livro perfeito para me reeducar no que toca a tratar dela. E, claro, assim que o terminar contem com alguns factos e dicas sobre a vossa pele, aqui no blog.

E vocês, que livros mais me sugerem para estes meses de Verão que se seguem?

Likes

Comments

























O número V não é um número particularmente feliz. Sempre o achei um bocado convencido de si, como se estivesse numa constante disputa entre quem fica com ele: o quatro ou o seis. De facto, desde pequena que personifico o número 5 (ele e os restantes! por favor, digam-me que não sou a única pessoa viva que o faz) e  até agora não lhe tinha grande afeição. Talvez não lhe tivesse dado a devida atenção. Talvez porque passei grande parte da minha vida a amar o número IV e tudo o que lhe diz respeito, fui-me esquecendo de procurar os outros números, com iguais ou melhores simbolismos, energias.

Quem me estiver a ler, neste momento, é oficial que já me acha a louca da numerologia. O IV tem de facto um carinho meu (nem que seja pela estrondosa coincidência das minhas iniciais Inês Vivas). É um número que sempre teve conexões fabulosas associadas a ele na minha vida e, além disso, é o meu número da sorte, a ter sempre em conta quando estou aflita entre alíneas. Tudo isto o torna belo.



Em Maio, descobri mais de mim. E das coisas que gosto. E foi aqui que o V ganhou significado. Passou de número a muito mais.

I. Voltei a sentir música. Não simplesmente a ouvir e a cantá-la, mas a apreciá-la. A saborear cada verso como se de uma tradução do meu coração se tratasse. Parei o que estava a fazer para escutar música como há muito tempo não o fazia. Evitei as playlists rápidas do spotify e fiz uma para mim, no meu telemóvel, com músicas descarregadas, como nos velhos tempos. Depois de o ver na queima das fitas do Porto, voltei a ouvir James Morrison ... ai e que saudade dos tempos de miúda bateu.

II. Espinafres, abacate e ovo juntos é um novo favorito. Não só porque saladas em época de exames são um time saver, mas também porque sabe realmente bem e, se não a tivesse provado no Choupana (podem ver aqui uma foto da dita cuja) desconheceria o quão feliz é este casamento de ingredientes. Obrigada, Choupana.

III. Iniciei o meu Minimal Fashion Plan que apesar de ter um grande nome é, no fundo, uma coisa bem simples. É uma espécie de cápsula solucionadora onde coloco todos os outfits que eu acho serem capazes de me darem leveza. Não apenas estilo, mas conforto e felicidade. Parece redutor ligar a nossa imagem a um sentimento tão popular e polémico como a felicidade mas eu acredito muito no poder de uma boa noção de nós mesmos quando saímos de casa pela manhã e, além de acreditar, tenho a certeza que é uma das coisas que mais feliz me faz nos primeiros momentos do meu dia: aceitar o meu aspeto. No novo livro que estou a ler, a autora diz que o estado da nossa pele pela manhã é o maior influenciador do nosso mindset para o dia que vamos ter. E eu só posso concordar. Uma borbulha ou uma pele seca matinal tira-nos um kilinho ou outro de motivação, como serão capazes de perceber por experiência própria.

IV. Descobri que uma má série como Riverdale também pode ser favorita?? Como veem, ainda estou muito confusa com este sentimento mas, de facto, desde o episódio 1 que eu percebi que Riverdale não era uma série com a qualidade de Game of Thrones, House of Cards, The Crown ou tão pouco como outras do mesmo registo (se quisermos ser mais justos nas comparações) como Gossip Girl. Para perceberem: só o protagonista em meia dúzia de episódios teve uma dúzia de namoradas. E tudo acerca de Riverdale é drama, diálogos fáceis e também muito superficialismo. Massss... ainda assim, algo me fez devorar a série, do início ao fim. E o último episódio fez-me querer uma segunda temporada, por muito contraditório que possa parecer.

V. Maio foi um mês de mudanças e com ele surgiram algumas oportunidades: uma delas foi poder escolher a especialidade médica do meu estágio de fim de 3o ano. Vou poder acompanhar a equipa médica de Ginecologia e Obstetrícia no hospital da minha cidade durante um mês e meio e estou muito ansiosa e feliz por esta oportunidade. Sinto que é especial por ser em Famalicão. É uma espécie de reunião dos meus dois mundos: trabalho de dia e família e amigos à noite. Outra das coisas que surgiu foi a Gala da Bata Branca na minha faculdade. É uma cerimónia da qual só tive conhecimento este ano e muito honestamente, tendo em conta o dia em que seria, eu já estava a pensar em faltar porque queria regressar a casa. Felizmente, tenho duas miúdas lisboetas incríveis que me fizeram retroceder e ficar para assistir à gala, à nossa gala. Fico muito grata por isso. Pudemos finalmente despedirmo-nos dos anos teóricos e marcar a passagem para o 4o ano, o primeiro de muitos anos clínicos. Ouvimos palavras com significado, estivemos juntos e percebemos o quão rápido tudo isto está a passar. Resumindo, a mensagem que fica é aproveitar todos os micromomentos com as pessoas de Lisboa, em Lisboa. Porque, de facto, tudo isto é temporário demais para mim e para eles e, daqui a 3 anos, se tudo correr bem, o capítulo faculdade encerrará.

Likes

Comments